Declaração do IRPF 2019 → Processada, Em processamento, Pendente

O Imposto de Renda é um dos principais impostos brasileiros e precisa ser declarado anualmente à Receita Federal. Mas ainda que este seja um tributo importante, ainda existem cidadãos que não tem total conhecimento de tudo o que diz respeito ao mesmo. E você, conhece todas as situações da Declaração do IRPF 2019? Se não, veio ao artigo certo!

Assim que você declara o seu imposto, saiba que será possível estar monitorando a situação que o documento se encontra no sistema no órgão da Receita. Deste modo, casa haja erros, será possível corrigi-los rapidamente e de uma maneira simples.

Elaboramos o artigo a seguir com o intuito de esclarecer tudo o que diz respeito às situações da Declaração do IRPF. Portanto, continue acompanhando o conteúdo abaixo e entenda o que é: declaração processada, em processamento e declaração com pendências. Vamos lá!

Declaração do IRPF 2019 processada

Para começar, iremos falar a princípio da Declaração do IRPF Processada. Caso a sua esteja nesta situação, indica que a mesma foi recebida e o seu processamento foi concluído. Isto indica que todos os dados preenchidos foram devidamente analisados pela Receita Federal.

Declaração do IRPF 2019

Mas é interessante que o contribuinte entenda que, mesmo o sistema indicando como”Processada”, não significa que o resultado foi totalmente homologado, e pode haver um revisto de ofício pela Administração Tributária, como consta no artigo 150, § 4º, do Código Tributário Nacional – CTN.

Ou seja, esta situação indica que, a princípio, não há nenhum erro com a sua Declaração do Imposto de Renda. Mas ainda há alguns dados para serem conferidos mais detalhadamente. Este período que a declaração sofre o revisto pode se estender até 5 anos.

Declaração do IRPF 2019 em processamento

Diferente da processada, a declaração do imposto de renda em processamento indica que o documento foi recebido, mas os dados ainda não foram apurados e concluídos. Deste modo, pode haver que o sistema da Receita Federal encontre alguns erros na declaração e o cidadão será sinalizado para corrigi-los.

Caso o contribuinte regularize todos os dados apontados, basta enviar novamente o documento para a Receita e aguardar até que ela analise novamente e afirme que a sua declaração encontra-se devidamente correta e verifique se há restituição ao cidadão.

Declaração do IRPF 2019

Para saber mais a respeito do processamento de seu IRPF 2019, acesse:

Caso haja, a declaração do Imposto de Renda entrará na seguinte situação: “Em Fila de Restituição“. Esta indica que, após processar todos os dados, o sistema identificou que o contribuinte terá direito à reembolso, porém ainda não será disponibilizada na rede bancária.

É interessante ressaltar que, para poder ressarcir o valor pendente, o cidadão não poderá ter nenhum tipo de débito pendente com a Receita Federal ou com a Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (PGFN).

Declaração do IRPF 2019 com pendências

Declaração do IRPF 2019

No caso da Declaração do Imposto de Renda com pendências, como o nome já diz, sinaliza que foram encontrados alguns dados pendentes no documento entregue à Receita Federal. Será preciso que o contribuinte analise e regularize as informações indicadas, caso não queira cair na malha fina.

Ao reenviar a declaração já corrigida, o sistema irá colocá-la na situação “Em análise”. Isto indica que o documento foi recebido e ficará na base de dados da Receita Federal Brasileira, aguardando:


  •  A apresentação da documentação solicitada em uma intimação enviada ao contribuinte, ou;

  • Conclusão da análise da documentação entregue pelo contribuinte através do agendamento, em resposta a intimação que foi à ele enviada, ou apresentar apresentar Solicitação de Retificação de Lançamento (SRL).

Como você pôde perceber, acaba que uma situação poderá levar à outra, mas a intenção da Receita Federal é que o contribuinte consiga, no fim, fazer a entrega da Declaração IRPF devidamente correta.


Declarar o Imposto de Renda é o dever de milhões de cidadãos brasileiros e manter-se informado é uma ótima forma de resolver qualquer pendência relacionada ao imposto. Existem várias situações em que a declaração pode se enquadrar, e cada uma delas apresenta uma maneira de analisar os dados  de cada documento entregue à Receita Federal.

Se a sua declaração foi enviada e posteriormente colocada em uma das situações mencionadas acima, não será mais motivo para ficar intrigado. Depois de conferir o nosso conteúdo, certamente você saberá o que fazer para regularizar a sua situação.

Caso tenha ficado com algum tipo de dúvida relacionada ao assunto, deixe um comentário abaixo para que possamos ajudar a resolver o seu problema. E não deixe de compartilhar também este artigo com algum conhecido próximo que não tem conhecimento a respeito das situações da Declaração do IRPF 2019. Obrigado!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *